Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018

Esportes


26/02/2018 - 00:00 - Atualizado em 26/02/2018 - 00:00

Tandara e Bia cobram mais regularidade do Osasco

Por Da redação
Osasco

(esportes@webdiario.com.br)

No jogo diante do lanterna, o Sesi-SP, na noite de sexta-feira, o Nestlé/Osasco tomou um susto no primeiro set, mas virou e fez 3 sets a 1 pela penúltima rodada da Superliga Feminina de Vôlei. Embora o jogo tenha sido só para cumprir tabela, pois a vaga à próxima fase já está garantida, a oposto Tandara a central Bia cobraram maior regularidade na atuação do elenco, já visando os próximos passos.

“Foi difícil e temos que aprender com os nossos erros. Sabemos que a história dessa rodada poderia ter sido diferente em função do primeiro e segundo sets, que não fomos bem. Precisamos melhorar e vamos trabalhar para isso”, afirmou a oposto, que foi ainda a maior pontuadora da partida, com 21 acertos. "Começamos muito abaixo, um pouco desconcentradas. Isso não deveria ocorrer, porque fizemos uma boa semana de treino. Precisamos buscar a regularidade para sequência, diante do Rio, e o playoff", completou a central. Bia se refere à próxima rodada, que fecha o returno e na qual Osasco terá pela frente seu maior rival, o Sesc/Rio de Janeiro. Além de ser um clássico do vôlei mundial, a partida pode garantir a Osasco, em caso de vitória, o 3º lugar na tabela.

Apesar da vitória sobre o Sesi, o time permaneceu na 4ª posição, com 44 pontos. À sua frente vem o Minas, que tem 45.  A partida entre Osasco e Rio acontece na próxima sexta-feira, às 21h30, na casa da equipe de Bernardinho. A última rodada do returno também promete “colocar fogo” na parte de baixo da tabela. Os oito melhores avançam às quartas de final, e se já estão definidos. Na briga pela última vaga estão o Pinheiros, com 28 pontos, e o São Caetano, com 25.  Na Superliga, as vitórias por 3 sets a 0 e3 sets a 1 garantem três pontos ao vencedor. Já por 3 sets a 2 asseguraram dois pontos ao vencedor e um ao perdedor.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style