Domingo, 19 de Maio de 2019

Esportes


18/04/2019 - 00:00 - Atualizado em 18/04/2019 - 00:00

Sheilla pode fechar com Barueri na volta às quadras

Por Da redação / esportes@webdiario.com.br
Barueri

Sem nada oficial até agora  para a próxima temporada – incluindo a renovação de patrocínio com o grupo Hinode – o Vôlei Barueri só teve seu nome envolvido, até agora, em especulações sobre saída de jogadoras, incluindo nomes de peso, como a oposto Skowronska, a central Thaisa, a levantadora Dani Lins e a ponteira Amanda, que formaram a base titular do time que chegou às quartas de final da atual Superliga. Mas, esta semana, também começaram especulações sobre contratações. E elas envolvem um dos maiores nomes do vôlei nacional. O técnico José Roberto Guimarães estaria trazendo, para seu clube, a oposto Sheilla, que está afastada das quadras desde a Olimpíadas do Rio de Janeiro, há quase três anos. A atleta decidiu tirar um período “sabático”.

Depois, engravidou e agora cuida das gêmeas Liz e Nina. A intenção de Zé Roberto, além de reforçar seu time, será a de garantir que Sheilla recupere, aos poucos, a forma física e tática, para que também possa voltar a defender a seleção brasileira. Caso isso realmente aconteça, não será novidade no Sportville, a sede do Barueri. O técnico fez o mesmo com Dani Lins, após gravidez, e com Thaisa e Skowronska, abrindo as portas do clube para as duas durante período de recuperação de graves lesões. Thaisa, por exemplo, chegou a ficar mais de um ano longe das quadras e, na Superliga passada, só estreou nos playoffs.  Na seleção, Zé Roberto terá como maior desafio, este ano, a disputa do pré-olímpico, que acontece em agosto. Antes disso, o Brasil disputa o Grand Prix. A lista de convocadas saiu esta semana.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style