Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019

Política


22/08/2019 - 00:00 - Atualizado em 22/08/2019 - 00:00

Lins envia à Câmara projeto para crédito de 146 milhões

Os recursos serão destinados para o financiamento de diversas obras no município, dentre elas R$ 19.375.510,08 para a construção da nova entrada de Osasco, na rodovia Castelo Branco. Outros R$ 24 milhões iriam para a Cidade da Polícia e R$ 6.411.262,38 aos campos de futebol de grama sintética, asfalto e viaduto de acesso ao conjunto habitacional Miguel Costa
Por Juliana Oliveira / politica@webdiario.com.br
Osasco

 Os recursos serão destinados para o financiamento de diversas obras no município, dentre elas R$ 19.375.510,08 para a construção da nova entrada de Osasco, na  rodovia Castelo Branco. Outros R$ 24 milhões iriam para a Cidade da Polícia e R$ 6.411.262,38 aos campos de futebol de grama sintética, asfalto e viaduto de acesso ao conjunto habitacional Miguel Costa

Os recursos serão destinados para o financiamento de diversas obras no município, dentre elas R$ 19.375.510,08 para a construção da nova entrada de Osasco, na rodovia Castelo Branco. Outros R$ 24 milhões iriam para a Cidade da Polícia e R$ 6.411.262,38 aos campos de futebol de grama sintética, asfalto e viaduto de acesso ao conjunto habitacional Miguel Costa (Foto: Divulgação)
Rogério Lins (Podemos) encaminhou projeto de lei, à Câmara de Osasco, que autoriza a prefeitura a contratar operação de crédito junto à Caixa Econômica Federal, até o valor de R$ 146 milhões, para financiamento de diversas obras, dentre elas a construção da nova alça a Osasco pela rodovia Castelo Branco, Cidade da Polícia, campos de futebol e programa de recapeamento asfáltico, além do sistema viário e do viaduto de acesso ao conjunto habitacional de interesse social Miguel Costa. A proposta que começou a tramitar na Casa ainda não tem data para ser votada.
Desse total R$ 19.375.510,08 serão destinados para a construção da alça de acesso da Rodovia Castelo Branco.

A obra deve aumentar a fluidez do tráfego em Osasco e beneficiar cidades vizinhas.  Outros R$ 6.411.262,38 para campos de futebol de grama sintética; R$ 72 milhões para o Programa Asfalto Novo; R$ 24.786.673,96 para o sistema viário e viaduto de acesso ao conjunto habitacional Miguel Costa; R$ 24 milhões para a Cidade da Polícia que será implantada na rua Iolanda Tredezini Mossi, Vila Yolanda, e contemplará a nova sede do Comando da Guarda Civil Municipal, a sede Delegacia Seccional de Polícia e delegacias especializadas da Polícia Civil, como: Defesa da Mulher, Entorpecentes, Crimes do Meio Ambiente, Proteção ao Idoso, Homicídios e Proteção à Pessoa.

A operação será de até R$ 146.573.446,42 do programa FINISA (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento) na modalidade Apoio Financeiro destinado à aplicação em Despesa de Capital. Os recursos serão disponibilizados ao município em 8 parcelas trimestrais, contando com 24 meses de prazo de carência e 96 meses de prazo de amortização, totalizando 120 meses de contrato.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style