Quarta-Feira, 18 de Setembro de 2019

Política


11/09/2019 - 00:00 - Atualizado em 11/09/2019 - 00:00

Ribamar diz que Comissão de Ética vai ser prioridade

Por Juliana Oliveira / política@webdiario.com.br
Osasco

O presidente da Casa informou que vai convocar uma reunião para receber sugestões dos vereadores. A retomada das discussões sobre a criação da nova comissão teria sido motivada por brigas em plenário.

O presidente da Casa informou que vai convocar uma reunião para receber sugestões dos vereadores. A retomada das discussões sobre a criação da nova comissão teria sido motivada por brigas em plenário. (Foto: Divulgação)
O presidente da Câmara de Osasco, Ribamar Silva (Sem Partido), afirmou à reportagem do Diário da Região, na última terça-feira, 10, que vai retomar com prioridade as discussões para a implantação da Comissão Permanente de Ética e Decoro Parlamentar da Casa. A decisão teria sido motivada pelas constantes brigas entre vereadores em plenário. Caso seja aprovado, sobe para 10 o número de comissões do Legislativo.

O parlamentar está inclusive convocando uma reunião entre os pares para receber sugestões que serão levadas em consideração na elaboração do projeto. “A Comissão de Ética será importante para passarmos mais transparência e mostrar à população a responsabilidade do Legislativo”, destacou. Um projeto de resolução semelhante de autoria da vereadora Régia Sarmento (PDT), que está em tramitação na Casa, cria e regulamenta a Comissão.

A proposta também institui o Código de Ética e Decoro Parlamentar do legislativo. Segundo o texto, a nova comissão deve receber denúncias de qualquer cidadão, pessoa jurídica ou parlamentar, quando do descumprimento por vereadores das normas previstas em legislação e também no Regimento Interno e no Código de Ética e Decoro Parlamentar.

A ideia da Comissão é barrar alguns excessos que vêm ocorrendo nas sessões. Um deles envolveu a própria autora. Em outubro de 2017, Régia chegou a registrar boletim de ocorrência contra o vereador Pelé da Cândida (PSC) por ameaça de morte. Na época, um assessor da vereadora, Carlos Baba também registrou BO contra o parlamentar por tentativa de agressão. Passados alguns dias, Regia perdoou o colega e colocou panos quentes na denúncia.
 

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style